Pular para o conteúdo

Associação de Consultores Políticos envia nota contra violência no Equador e em defesa da Democracia

11/10/2019

A Alacop – Associação Latino-Americana de Consultores Políticos, entidade que reúne consultores com atuação em campanhas eleitorais e comunicação de governos em vários países da região, pronunciou-se hoje, através de suas redes sociais e da imprensa, por meio de uma nota que ressalta o apelo ao diálogo e aos mecanismos democráticos para que o Equador restabeleça a paz e o Estado Democrático de Direito.
O documento, firmado por cerca de 60 membros, de 15 países, destaca que “A América Latina teve duras divergências ao longo de sua história e instamos os atores a fazer do diálogo e do respeito pela institucionalidade a única maneira de encontrar o verdadeiro desenvolvimento social, político e econômico em nossa região.”
Leia a nota completa, em espanhol:

Latinoamerica, 11 de octubre de 2019

A LA OPINIÓN PÚBLICA DE TODA LATINOAMÉRICA
Quienes conformamos la Asociación Latinoamericana de consultores Políticos (ALACOP), ante la grave crisis social y política que se vive en el Ecuador:

1. Expresamos nuestro pesar a todos los ecuatorianos por la muerte de ciudadanos, como resultado de las protestas llevadas a cabo durante la última semana en el Ecuador.

2. Rechazamos los excesos, la violencia y los desmanes que se han producido y se siguen produciendo entre ecuatorianos y hacemos un llamado al respeto de los Derechos Humanos de todos los actores: ciudadanos, empresarios, autoridades, policías y militares.

3. En ALACOP creemos firmemente en las instituciones y los valores democráticos, así como en el derecho que tienen los pueblos en disentir y manifestarse siempre y cuando sea dentro de las normas constitucionales, legales y de convivencia pacífica que rigen dentro de un Estado de Derecho.

4. Hacemos un llamado a tender puentes desde el Gobierno Nacional y desde la sociedad civil, para superar a través del diálogo esta situación y así alcanzar acuerdos mínimos para que retorne a la normalidad institucional que requiere el país.

5. América Latina ha tenido duros desencuentros a lo largo de su historia y conminamos a los actores a que el diálogo y el respeto a la institucionalidad sea el único camino para encontrar un verdadero desarrollo social, político y económico de nuestra región.

Cordialmente,

Junta Directiva 2018-2020
Marilú Brajer –  Presidente – Argentina
Gabriel Díaz  – Vicepresidente – México
Alfredo Dávalos – Charmain – México/Ecuador
Manuel Martínez – Secretario – México
María del Carmen Solana – Vocal 1 – México/Ecuador
Hugo Haime – Vocal 2 – Argentina

Expresidentes Alacop
Felipe A. Noguera – Argentina 
Mauricio de Vengoechea – Colombia Roy Campos – México
Gil Castillo – Brasil
Carlos Fara – Argentina
Ralph Murphine – Ecuador/EUA

Miembros
Santiago Comadira – Argentina Carlos Escalante – Venezuela
Nidia Paulino – República Dominicana Andrés Elías – Ecuador
Fernando Dopazo – Argentina
Tatiana Larrea – Ecuador
Diego Paul Zaldumbide – Ecuador 
Jésica Baltazares – México
Carlos Santiago Coronel – Ecuador 
Mariano Ferreira – Argentina
Marcelo López – Chile
Agustina López – Chile
Sandra Dellara – Argentina
María Alejandra Trujillo – Colombia 
Marina Rafaelli – Argentina
Marco Torres – Perú
Martha Cecilia Armendáriz – Ecuador 
Carlos Lorenzana – México
Edward Paez Hache – Colombia 
Daniela Calderón – Bolivia
Daniel Ivozkus – Argentina 
Maximiliano Aguiar – Argentina 
Alfonso Pérez – México
Efraín Reyes – México
Ricardo Paz – Bolivia
Santiago Vidal – Ecuador
Francisco Abundis – México
Carlos Galeas – Ecuador
Yuri Ramírez – Colombia
Wilson Mayorga – Ecuador
Amaury Mogollón – Venezuela
Daniel Eskibel – Uruguay-España
Juan Mateo Zúñiga – Ecuador
Xavi Zaguirre – España
Orlando Cónclaves – Venezuela- Portugal 
Marcelo Weiss – Brasil
Antonio Sola – España
Edgard Gutiérrez – Venezuela
Carlos Malo M – Panamá/España 
Bernardo Moreno – Ecuador
Galo Calle – Ecuador
Maureen García – México
Fernanda Cuzme – Ecuador
Daniel Robleto – Panamá
Analia del Franco – Argentina
Mauricio Jaitt – Argentina
Kenia del Orbe – República Dominicana 


Anúncios

Maior premiação do Marketing Político brasileiro acontece nesta quinta

26/08/2019

A cerimônia de entrega dos troféus do “1º Prêmio CAMP da Democracia” acontecerá, nesta quinta-feira (29/08), a partir das 17 horas, no Transamerica Expo Center, em São Paulo (SP).

Esta será a maior premiação da história do Marketing Político brasileiro. Ao todo, serão distribuídos 67 troféus para 23 categorias de campanhas eleitorais, governamentais e de defesa de interesse. Entre os concorrentes estão, por exemplo, as campanhas de João Doria, Fernando Haddad, Henrique Meirelles, Romeu Zema, Flávio Dino, Helder Barbalho e Alexandre Kalil.

O júri – formado por 69 profissionais, entre associados, especialistas e grandes nomes do mercado da Comunicação do Brasil – colaborou com um total de 2.023 votos julgando critérios como “Eficiência política”, “Criatividade” e “Qualidade de produção”. Já na categoria de “Contribuição para a Democracia” apenas os associados ao CAMP possuem direito a voto e escolheram o movimento RenovaBR como o ganhador desta edição.

A metodologia de votação e apuração dos votos é a mesma utilizada pelo “Oscar da Política Mundial”, o Pollie Awards, e só foi possível graças a uma parceria do CAMP com a Associação Americana de Consultores Políticos (AAPC).

Antes da cerimônia de premiação, haverá um painel que integra o Expo Fórum Digitalks 2019, maior evento do mercado digital do País. O debate “Um novo momento para o Marketing Político e para a Democracia Participativa” contará com a presença da diretora-executiva do RenovaBR, Irina Bullara, do professor da ESPM, Emmanuel Públio Dias, além dos estrategistas políticos Gil Castillo e Lula Guimarães.

O 1º Prêmio CAMP é um momento muito especial, tanto para os profissionais de Marketing Político, quanto para a Democracia. Com ele, realizamos um dos nossos principais objetivos que é desmitificar nossa atividade, trazer luz para um trabalho tão importante, que aproxima a população da Política e dos seus representantes. Um trabalho que tem todos os méritos para ser valorizado publicamente, mas que não havia sido feito desde então“, explica o presidente do CAMP, Bruno Hoffmann.

O CAMP – Fundado em março de 2018 por 45 profissionais de Marketing Político – consultores, estrategistas, jornalistas, publicitários e pesquisadores de diversas áreas – provenientes de todas as regiões do Brasil, além de Argentina e Portugal, o CAMP reúne de forma voluntária os principais nomes do setor que já estiveram em gestões de mandatos e campanhas políticas para a grande maioria dos partidos brasileiros.

O CAMP é apartidário, busca diálogo com todas as esferas de poder para a promoção de uma Reforma Política mais conectada com a vontade popular e com a realidade do mercado. Entre as atividades do seu 1º ano, estiveram a assinatura do termo de cooperação com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no combate à disseminação de notícias falsas e do manifesto da Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom) pela aprovação da Lei de Proteção de Dados Pessoais. Em junho do ano passado, lançou a web série chamada “Diálogos da Democracia” e, em dezembro, realizou o “1º Seminário: Estratégia, Comunicação e Democracia” em Brasília (DF).

Em 2019, o CAMP foi finalista da categoria “Associação do Ano” do Reed Awards, premiação organizada pela principal revista deste segmento, a Campaigns & Elections. Antes disso, já havia sido reconhecido por entidades internacionais como a Associação Latinoamericana de Consultores Políticos (ALACOP) e a Graduate School of Political Management (GSPM) da The George Washington University (GWU), que parabenizaram seus integrantes pelos avanços que estavam promovendo no debate por regras mais claras e justas durante o período eleitoral.

Ao mestre, com carinho ;-)

15/07/2019

Esta semana falei e pensei bastante no Tom Eisenlohr. Na verdade, lembro dele sempre, porque foi e será minha principal referência no Marketing Político. Luxo que não canso de ostentar, tive a honra de conviver e trabalhar com o Tom em muitos projetos. Democrata por natureza esteve à frente de projetos que foram fundamentais para o processo de abertura democrática no país. Esteve ativo, lúcido e com seu humor ácido até o último segundo da sua passagem por aqui. Deve ter continuado crítico e brilhante nos comentários, dando trabalho aos administradores lá do céu.
O MarketingPolitico.com, que este ano completa 20 anos, nasceu durante um bate-papo super animado entre o Tom, o Marcelo Weiss e eu.
Tom nos deixou no finalzinho de 2017, uma semana depois de termos falado rapidamente por telefone pelo meu aniversário e combinado de nos ver em breve, em Campos do Jordão. É com carinho que relembramos aqui uma das suas ótimas histórias, esta de 1950 (mostrando que fake news e política sempre andaram juntas), quando dava os seus primeiros passos no Marketing Político e que foi publicada originalmente no seu perfil do Facebook. Boa leitura! 🙂

Tom Eisenlohr, com 17 anos, à esquerda na foto.

TEXTO DE TOM, NO FACEBOOK:

“Agosto, 1950. Primeiros passos de um jovem, 17 anos, no caminho do marketing político.  No palanque com o brigadeiro-aviador Eduardo Gomes, em campanha, disputando com Getúlio Vargas a presidência da República. 

Nessa ocasião, o candidato da UDN cravou uma frase letal para sua candidatura: “Não necessito dos votos dessa malta de desocupados que apóia o ditador para eleger-me Presidente da República”. 

Hugo Borghi, esperto político aliado de Getúlio, adulterou as palavras do brigadeiro, afirmando nas rádios e através de panfletos distribuídos nas ruas, que o Brigadeiro tinha dito não precisar dos votos dos marmiteiros! 

Acontece que malta, pelo dicionário, também é sinônimo da comida que trabalhadores rurais levam em marmitas para se alimentar na roça. Espertamente, os getulistas aproveitaram-se disso e passaram a espalhar que Eduardo Gomes “é bonito e é solteiro, mas não quer voto de marmiteiro”. 

No caso, imputava-se falsamente ao brigadeiro o preconceito contra os trabalhadores que comiam na marmita. Deu resultado: o brigadeiro naufragou e Getúlio venceu a eleição. Lição para os políticos de hoje em dia.”

Livro recomendado: “Los Estadios de la Paz en Colombia”

17/06/2019

Já está disponível na Amazon (em espanhol), o Livro “Los Estadios de Paz en Colombia”, escrito pelos consultores Martha Hernández, Andrés Lizarralde e Carlos Villota Santacruz. Trata-se de importante trabalho sobre um dos processos de paz que se tornou referência pela maneira como foi conduzido e por seu caráter contemporâneo, obra indispensável para entender a América Latina de hoje.
O livro também tem a participação de outros consultores reconhecidos, como Daniel Ivoskus, que assina a Introdução e Antonio Sola, com o Prólogo. Leia abaixo, alguns trechos:

“La firma del acuerdo de paz es un punto de inflexión para la política del país. Es un gran paso que reactiva la participación ciudadana y brinda las garantías necesarias para abrir el juego democrático a nuevos actores que pasan de la ilegalidad a la legalidad. Esta nueva etapa debe refundar la cultura colombiana, bajo la consolidación de principios democráticos como el dialogo, la tolerancia, la verdad y la convivencia en paz que derivan inevitablemente en mejores debates y decisiones para el beneficio del territorio. Este es el marco en el que se inserta la nueva realidad de Colombia: un lenguaje de paz que fabrica nuevas oportunidades para todos, revelando los desafíos y el compromiso de la consultoría política.

Daniel Ivoskus.

“Colombia está enseñando mucho al mundo. Es un hermoso país, de pueblo noble y generoso, apasionado. Por ello, considero imprescindible la existencia de una obra como esta que aglutina una perspectiva completa sobre unos años de tanta trascendencia. No en vano, en éstas páginas, los lectores descubrirán que, de un estudio realizado por el Instituto Kroc de la Universidad de Notre Dame en Estados Unidos que analizaba los 196 procesos de paz que se han hecho en el mundo durante los últimos 40 años, se desprende que el proceso de Paz en Colombia con la guerrilla de las Farc es ejemplar e innovador porque, por ejemplo, se evitaron errores como los experimentados en los procesos de Filipinas, Angola, India y Senegal, donde sólo se trataron temas de seguridad, cese al fuego y hostilidades. 

Recomiendo su lectura porque nos acerca a las raíces del conflicto, su desarrollo y resolución, así como nos ilumina para entender que la unidad de un pueblo es fundamental en la reconstrucción de un país que ha vivido experiencias duras y que son extrapolables a otra serie de situaciones. En el caso que nos atañe, el compromiso de Santos fue lograr una paz estable y duradera.”

Antonio Sola. 

Para ter acesso ao livro na Amazon, basta clicar aqui>> “Los Estadios de la Paz en Colombia”

Os 100 conselhos de Joe Napolitan – ensinamento 1

28/05/2019

Na semana passada fizemos uma a publicação na página do MarketingPolitico.com no Facebook com uma das “100 Coisas Que Aprendi Em 30 Anos Como Consultor Político”, de Joe Napolitan, considerado o pai da Consultoria Política moderna. O post fez muito sucesso, por isso resolvemos publicar em nossos canais, toda semana e na ordem original apresentada por Napolitan, os 100 ensinamentos. Esperamos que gostem e que acompanhem.
1 – “ESTRATÉGIA É O FATOR INDIVIDUAL MAIS IMPORTANTE DE UMA CAMPANHA POLÍTICA: Uma estratégia correta pode sobreviver a uma campanha medíocre, mas mesmo uma campanha brilhante pode falhar se a estratégia estiver errada.”

Conheça e siga também todos os nossos canais:
• FACEBOOK – facebook.com/portalmarketingpolitico/
• TWITTER – twitter.com/MktPol
• LINKEDIN – linkedin.com/marketingpoliticocom
• INSTAGRAM – instagram.com/portalmktpol
• YOUTUBE – youtube.com/marketingpolitico

Seminário de Comunicação Política reúne mulheres que comandaram campanhas eleitorais no Brasil e no Exterior

09/05/2019

Brasília receberá o I Seminário de Comunicação Política focado em cases de campanhas eleitorais coordenadas por mulheres. O evento será no dia 18 de maio, das 9h às 18h, na Aliança Francesa. O encontro reunirá especialistas e estrategistas que apresentarão experiências de comunicação política em campanhas eleitorais no Brasil e no Exterior. As vagas são limitadas e as inscrições já estão abertas. Os ingressos serão vendidos em três lotes.

O evento tem o objetivo de reunir nomes femininos de destaque na Comunicação Política, espaço ainda bastante dominado por profissionais homens. A ideia é dar protagonismo ao trabalho de excelência realizado pelas convidadas, além de possibilitar que os participantes conheçam as experiências de sucesso e ampliem seu networking. O encontro é organizado pela jornalista Marcela Sá, pela cientista política Mariah Sampaio e pelas diretoras do projeto “Elas no Poder”, Letícia Medeiros e Karin Vervuurt.

Entre as palestrantes estão a consultora política Gil Castillo, que coordenou campanhas presidenciais em países como Moçambique e São Tomé e Príncipe, e que desenvolve programas de apoio à democracia. Em 2016, recebeu um Napolitan Victory Award como uma das 12 mulheres mais influentes da comunicação política na América Latina.

Também estarão presentes Ângela Chaves, com os cases das campanhas dos deputados federais eleitos Tabata Amaral (2018) e Alessandro Molon (2018); Maria Carolina Lopes, que irá falar sobre suas experiências nas campanhas do governador Rodrigo Rollemberg (2014) e do deputado federal Domingos Neto (2018) e Nara Alves, com as estratégias da campanha do prefeito de Araraquara, Edinho Silva. Participam ainda a jornalista Ludmila Lucas, que atuou nas campanhas majoritárias do Eduardo Brandão (2011), para o governo do Distrito Federal, e do Marcos Rogério (2018), para o Senado Federal pelo estado de Rondônia; e Fernanda Camargos, que atuou em diversas campanhas, inclusive, na presidencial de Geraldo Alckmin.

A jornalista Marcela Sá e a cientista política Mariah Sampaio apresentarão o case da campanha do deputado distrital Leandro Grass, eleito em sua primeira candidatura. Letícia Medeiros e Karin Vervuurt falarão sobre o projeto “Elas no Poder”, que auxilia mulheres candidatas a produzirem campanhas eleitorais mais competitivas.

Os ingressos podem ser comprados aqui: www.bit.ly/inscricoescampmulher

Confira a programação:

MANHÃ
9h Abertura

9h30 – Marcela Rocha e Mariah Sampaio – Campanha deputado distrital Leandro Grass

10h – Letícia Medeiros e Karin Vervuurt – Projeto Elas no Poder

10h30 – Ludmila Lucas – Campanhas majoritárias para o governo do Distrito Federal (2011) e para o Senado Federal pelo estado de Rondônia (2018).

11h15 – Nara Alves – Campanha do prefeito de Araraquara Edinho Silva.

12h – Maria Carolina Lopes – Campanhas de um deputado federal eleito e uma estadual eleita (2018), do governador Rodrigo Rollemberg (2014), Rodrigo Rollemberg Senador (2010), Dilma Rousseff (2010). Também foi estrategista de redes sociais do senador Romário e hoje coordena a Comunicação da Liderança do PSD.

12h45 às 14h15 – Almoço

TARDE

14h15 – Natália Mendonça – Campanhas do Geraldo Alckmin (2018), Daniel Vilela (2018) e de 3 deputados federais eleitos (2018), Marcelo Crivella (2016), Confúcio Moura (2014) e Camilo Santana (2014).

15h – Fernanda Camargos – Atua com foco na área de análise de dados, construção de reputação digital e relacionamento com o eleitor.

15h45 às 16h15 – Coffee Break e Networking

16h15 – Angela Chaves – Campanhas eleitorais majoritárias e proporcionais, dentre outras, as de Fernando Haddad-2016, Tabata Amaral e Alessandro Molon-2019)

17h – Gil Castillo – Campanhas presidenciais em países como Moçambique e São Tomé e Príncipe

17h45 Encerramento

Link do evento no Facebook: www.bit.ly/eventocampmulher

Recomendamos: Nova edição da Revista Beers&Politics (em espanhol)

03/05/2019

A Edição número 03 da Revista Beers&Politics (em espanhol) traz excelentes artigos e reflexões sobre Marketing e Comunicação Política. Dirigida pelo consultor Xavier Peytibi, esta edição tem textos de Antonio Sola, Ricardo Amado Castillo, Antoni Gutiérres-Rubí, entre outros.
Para baixar a Revista completa, basta acessar este link: beersandpolitics.com/03

Confira o índice completo da Revista, abaixo:

EN CAMPAÑA PERMANENTE / POLÍTICA Y COMPOL
Cómo se crea un líder. ANTONIO SOLA Web / PDF
La estrategia es el contraste. RICARDO AMADO CASTILLO Web / PDF
La construcción del nosotros. ANTONI GUTIÉRREZ-RUBÍ Web / PDF
La legitimidad del lobby en las democracias liberales. NACHO CORREDOR Web / PDF
Los “memes” como catalizador ideológico: la República Memera Andaluza. MANUEL RODRÍGUEZ MORILLO Web / PDF
El ruido electoral en campaña. NADIA VIONNIKOFF BENET Web / PDF
Cómo impulsar políticas públicas de igualdad…y no morir en el intento. JOSÉ LUIS SAHUQUILLO Web / PDF
La imagen de los nuevos políticos. SARA PELLICER Web / PDF
De la calle a la política: asesorar a un candidato. JULEN ORBEGOZO Web / PDF

INTERNACIONAL
26 de mayo: toca legitimar el futuro de Europa. JAUME DUCH Web / PDF
La reconquista de la Luna, superpotencias, geopolítica y poder en el espacio. SONIA LLORET Web / PDF
El voto a la centroderecha chilena. JUAN LUHRS Web / PDF
Juan Guaidó: ¿héroe, mártir o traidor? ANNA AYUSO Web / PDF

RESEÑAS
Reseña de “El pingüino y el Leviatán (Yochay Benkler). JERÒNIA AGUILÓ Web / PDF
Película: ‘El Reino’. El castigo es el silencio. SERGIO PÉREZ DIÁÑEZ Web / PDF
Serie: Baron Noir. CLAUDIA BENLLOCH Web / PDF
Discurso: el discurso del pasado, del hoy y del futuro (Juan Guaidó) ALEJANDRA SUÁREZ Web / PDF
El bar Confitería Torres (Santiago de Chile) / PDF
Te presentamos a B&P Madrid / PDF