Skip to content

O MARKETINGPOLÍTICO.COM

Como escreveu o professor Cid Pacheco, que nos deixou uma imensa obra para estudo, “o Marketing político-eleitoral é uma ilha de controvérsias cercada de exageros por todos os lados. Por muita gente, ele é considerado um artifício onipotente, que anula os fatores políticos e reduz a quase nada a personalidade do eleitor; quem vota é sempre imaginado como um ser absolutamente frágil e indefeso. No extremo oposto do exagero, o Marketing é considerado técnica científica neutra, gravitando em torno de um eleitor absolutamente inconstante e todo-poderoso. A realidade se encontra no meio dessas duas posições.”

E foi com a intenção de desmistificar o que é o marketing político e valorizar o trabalho sério dos profissionais que atuam na área que, em fevereiro de 1998, nasceu o MarketingPolítico.com.

No princípio, editar o site era difícil: as informações eram raras de se encontrar e o público bem restrito, afinal, falar de marketing político no Brasil era como falar de um assunto nebuloso, a área marginal do marketing.

Hoje, graças a muita gente boa que vem trabalhando há muito tempo, o Marketing Político se firmou como uma área respeitada, multidisciplinar, científica. Importantes Universidades de Comunicação oferecem a disciplina em seus cursos de graduação e também cursos de pós-graduação específicos. Instituições como a Alacop – Asociación Latinoamericana de Consultores Políticos possui representantes brasileiros, assim como a IAPC – International Association of Political Consultants.

Consultores brasileiros trabalham em campanhas e são convidados a dar aulas por todo o mundo, levando estratégia e criatividade como mais um produto de exportação.

O Marketing Político é assunto nos portais de notícias, nas Universidades, nos sites de relacionamento, nas reuniões estratégicas, nas comunidades virtuais, nos blogs e nas conversas informais. Então, se você quer se manter bem informado use e abuse do MarketingPolítico.com.

%d blogueiros gostam disto: